Create a free account Join Calaméo to publish and share documents with the world!
Rate and comment your favorite publications, download documents and share your readings with your friends.
bruno nobru

bruno nobru  >  My publications

pouso alegre, mg, Brasil
 
Member since 4 year(s)
 
Display :
cada vez mais menos

cada vez mais menos uma coleção de pequenezas bruno nobru 2012 www.brunonobru.net

From

Adobe PDF document

Pub. on Dec. 20th 2012

Pages: 34

Views: 6

Downloads: 0

neold

a reunion of old and new excerpts, tangles and revisited between life .. bruno nobru independent publication pouso alegre, minas gerais, brazil 2011

From

Adobe PDF document

Pub. on Jan. 10th 2012

Pages: 32

Views: 2

Downloads: 0

excerpts

aren’t poems but fragments of landscapes, paths and passages to flow.. in a prelude to be, to find the real tone composing another - new... we are all free to go anywhere, let's fly!

From

Adobe PDF document

Pub. on Jan. 8th 2012

Pages: 48

Views: 3

Downloads: 0

novelho - bruno nobru

uma reunião de trechos novos e velhos, emaranhados e revisitados entre os nós da vida.. "tudo o que é visível há de se expandir para além de si até penetrar no invisível" publicação independente pouso alegre, mg, 2011

From

Adobe PDF document

Pub. on Dec. 31st 2011

Pages: 32

Views: 6

Downloads: 0

bruno nobru - fragmentos entos de percepcoes

fragmentos de idéias de percepções de experiências momentâneas me permiti a escrever o fluxo de idéias que vinham à tona, entre outubro de 2004 à junho de 2005 frases livres, posteriormente organizadas em itens na divisão que segue que fique claro que não sou o que escrevo

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 27th 2010

Pages: 42

Views: 3

Downloads: 0

por uma arte e vida livre

a criação artística é livre, sua linguagem e sua estética não devem se submeter a nenhum tipo de ordem ou regra ela se faz para ao povo que a cria e não para interesses de mercado

From

Adobe PDF document

Pub. on Apr. 13th 2010

Pages: 4

Views: 8

Downloads: 0

...poetrias, bruno nobru

a arte am plia li-mi-tes des plia pli mites arteia an téria, anarca matéria bruno nobru, 2004

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 22nd 2009

Pages: 36

Views: 7

Downloads: 0

lembranças de quando éramos da água, bruno nobru

do simio surgiu o sub-homem e dele o neanderthal, que era europeu. o titulo 'humanidade' é dado aos assassinos, os que mataram o homem de neanderthal. muitas outras espécies morreram, e muitas hoje ainda morrem.. bruno nobru, 2006

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 22nd 2009

Pages: 33

Views: 13

Downloads: 0

pe da ços da ilusão, bruno nobru

h o j e não sou mais quem (ou o que) fui ontem... (apesar de carregar algumas coisas) e, quando mudo a mim mesmo, acabo mudando o outro também. e este transformado altera a mim mesmo novamente. bruno nobru, 2002

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 22nd 2009

Pages: 14

Views: 4

Downloads: 0

de enquanto para talvez, bruno nobru

casas diferentes, um sofá por dia cada um mantendo grupos de esquemas de como lidar com outros e com ambientes que convivem os vermes permanecem vermes enquanto nao lhes dao outros nomes bruno nobru, 2006

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 22nd 2009

Pages: 17

Views: 6

Downloads: 0

tanto faz, bruno nobru

entre eu e voce ha muito mais do que eu e voce ha o que nos transforma e o que nos torna outro-eu e outro-voce - seres estranhos - bruno nobru, 2007

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 22nd 2009

Pages: 14

Views: 6

Downloads: 0

não sou você, bruno nobru

gosto de trechos incompletos que se fodam os completos, alguém aí está completo? a falta de sentido traz a possibilidade de criar outros e novos sentidos enquanto você deixa sua vida de lado ela te deixa de lado também bruno nobru, 2007

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 22nd 2009

Pages: 20

Views: 6

Downloads: 0

trechos existenciais, bruno nobru

as palavras hão de sair do papel e voar... minha vida é minha culpa minha poesia é anti-poética quer derreter a noção de comum na real eu nem faço poesia porque isso é um saco minha arte rima com sujeira e ar de diferente bruno nobru, 2007

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 22nd 2009

Pages: 19

Views: 9

Downloads: 0

pós guerra em guerra, bruno nobru

ingênuo o que tenta me julgar como algo definido e estático tão simplista e patético parecido consigo mesmo, está muito claro que somos diferentes e que eu não sou você bruno nobru, 2009

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 22nd 2009

Pages: 18

Views: 15

Downloads: 1

tre-chos, bruno nobru

não são poemas mas fragmentos de paisagens possibilidades a brotar raízes e galhos embriões de rizomas ao encontro do autêntico tom compondo um outro - novo a se afinar consigo próprio partindo de si sendo o próprio teu caminho concordando ou discordando agindo e movimentando escrevendo com teu nome, com nome... More

From

Adobe PDF document

Pub. on Oct. 21st 2009

Pages: 48

Views: 87

Downloads: 1

 
15 Publications
181 Views

entre processos e porvires, experimentando o conceito do que chamam por "arte", criando e re-criando linguagens, meios e instrumentos, seja em música, escrita, ou interações multimídia, estimulando outras possibilidades de arte e de vida..

bruno nobru

Hobbies:
arte, música, natureza, vida, cidade, ar

Contacts (1)
  • masterchief3200
Tags