Poesias de Hadja
Read

Poesias de Hadja

by hadijashams

A brônzea ânfora Nas profundezas da brônzea ânfora, abrigo o lume do amado e as despedidas silenciadas nas auroras da existência. Os espectros da lembrança se recusam a partir, praticando antigos ritos nas cavernas íngremes do meu ser de... More

Read the publication